Notícias

Exposição no Centro Cultural realça interação da arte com tecnologia

Publicado em 27 novembro 19 às 11:30 por admin

‘Recodificações’, de Pedro Veneroso, expõe obras que evidenciam a relação entre homem e máquina

Obra ‘Tempo: cor’, que integra a mostra ‘Recodificações’ (Sara Não Tem Nome)

A tecnologia tem ampliado consideravelmente a sua influência no cotidiano. Atualmente, os mecanismos que operam nas redes sociais e nos aplicativos vêm sendo utilizados também na arte concreta e conceitual contemporâneas. O artista Pedro Veneroso também bebe nessa fonte, como comprova a mostra Recodificações, focada nas novas formas de interação entre arte e tecnologia. A exposição pode ser visitada na Grande Galeria do Centro Cultural UFMG.

“Permanentemente, a arte está atrelada à ciência e à tecnologia. Já na pré-história, as pinturas rupestres materializavam técnicas inventadas pela humanidade de então. Da Vinci se envolvia no campo da engenharia e da matemática. E agora a tendência é que computadores e aparelhos eletrônicos passem a permear processos artísticos de maneira contínua”, diz o artista, que baseia sua exposição nos mecanismos utilizados por redes e algoritmos.

Em Recodificações, Veneroso expõe instalações e poemas concretos que evidenciam a relação entre homem e máquina no presente. Ele não economiza no uso de vídeos, fotografias e da chamada net art, projeto desenvolvido para visualização e interação na web.

O Boletim UFMG aborda o trabalho do artista em matéria publicada na edição 2.082, que circula nesta semana.