Projetos

Castração de cães e gatos na grande Belo Horizonte

Este projeto recebeu apoio do Deputado Fred Costa, através da Emenda Individual nº 39910003 na LOA 2020

Projeto de castração e controle populacional de cães e gatos de população sócio-econômica carente e de animais resgatados na grande Belo Horizonte-MG

A superpopulação de cães e gatos abandonados em centros urbanos como ocorre em Belo Horizonte é uma situação insustentável e que necessita de ações sérias e imediatas. Animais sem domicílio e abandonados nas vias públicas provocam situações indesejáveis como acidentes de trânsito, animais maltratados e abandonados, agressões a seres humanos e transmissão de doenças (zoonoses), dentre outras que caracterizam situações impactantes no bem-estar dos animais e na saúde pública. Baixas condições socioeconômicas das comunidades, aliadas à falta de políticas públicas efetivas no controle populacional canino e felino contribuem significativamente para estabelecer e perpetuar essa situação desumana para os animais e de risco para o homem. Diante disso, em 2012, foi criado um projeto de extensão realizado na Escola de Veterinária/Hospital Veterinário-UFMG. Trata-se de um Projeto com forte cunho social e educativo que, além de realizar centenas de castrações anualmente, trabalha na conscientização da população acerca de temas como guarda responsável e controle populacional de cães e gatos, o não abandono de animais, bem-estar animal e a importância da castração e dos cuidados veterinários.

 

Título Projeto de castração e controle populacional de cães e gatos de população sócio-econômica carente e de animais resgatados na grande Belo Horizonte-MG
Coordenação Profª. Christina Malm
Estágio de desenvolvimento Inicial