Notícias

Sandra Goulart Almeida é reconduzida à presidência da AUGM

Publicado em 21 junho 22 às 11:28 por Samuel Perini

Reitora da UFMG cumprirá novo mandato de um ano a partir de 1º de julho

terça-feira, 21 de junho 2022, às 10h40

Dirigentes das instituições que compõem a AUGM reunidos na UFPR durante a sessão que reconduziu Sandra Goulart à presidência da entidade
Dirigentes das instituições que compõem a AUGM reunidos na UFPR durante a sessão que reconduziu Sandra Goulart à presidência da entidadeArquivo AUGM

A reitora Sandra Regina Goulart Almeida foi reconduzida nesta segunda-feira, dia 20, à presidência da Associação das Universidades do Grupo Montevideo (AUGM), rede formada por 41 instituições de ensino superior sediadas em seis países da América do Sul. A decisão foi tomada pelo Conselho de Reitores da instituição em reunião realizada em Curitiba, na sede da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Sandra cumprirá novo mandato de um ano a partir de 1º de julho, tendo como vice-presidente o professor Osvaldo Corrales Jorquera, reitor da Universidade de Val Paraíso do Chile.

Segundo a reitora, sua recondução ao cargo deve-se à experiência da UFMG, que integra a rede desde 2003 e tem participado ativamente de uma série de atividades desenvolvidas na instituição. “É importante dar estabilidade à AUGM, principalmente neste momento difícil de pós-pandemia, em que os impactos são sentidos por todas as instituições”, afirma Sandra Goulart. Ela cita ainda a necessidade de consolidar questões que sugiram durante a Conferência Mundial de Educação Superior, realizada no mês passado, pela Unesco, em Barcelona.

Entre as prioridades de seu novo mandato, Sandra Goulart menciona a ampliação da AUGM como espaço de integração e cooperação regional e a solidificação de ações iniciadas em sua primeira gestão. “Há, por exemplo, programas de intercâmbios de docentes e estudantes, a cátedra de direitos humanos, que é coordenada pela UFMG e é uma área muito sensível, e o Observatório da Autonomia Universitária, sediado na UFMG, que tem no financiamento uma questão central”, indica a reitora.

Vocações compartilhadas
A Associação de Universidades do Grupo Montevidéu (AUGM) reúne instituições de Brasil, Chile, Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai que compartilham vocações e características que possibilitam desenvolver atividades de cooperação com perspectivas concretas de viabilidade.

Criada em 1991, a AUGM tem sua atuação pautada pelo objetivo de contribuir para a consolidação de massa crítica de alto nível, para a transferência tecnológica em áreas estratégicas, para o desenvolvimento das populações da região e para a difusão dos conhecimentos capazes de beneficiar a sociedade.

Além da AUGM, Sandra Goulart Almeida assumiu, no mês passado, a presidência da Worldwide Universities Network (WUN), que reúne 25 universidades de seis continentes. Ela também é vice-presidente da Associação das Universidades de Língua Portuguesa (Aulp) e dirige a Comissão de Relações Internacionais da Andifes.

Fonte: Portal UFMG