Cultura UFMG

Fórum UFMG de Cultura

O Fórum UFMG de Cultura é um projeto iniciado em 2014 e que já realizou diversos encontros, entre palestras, rodas de debate e conversa. Pensado como uma série, o Fórum é um dos canais pelos quais a universidade busca estimular, ampliar, dinamizar e potencializar as reflexões para a formulação de suas políticas institucionais de cultura, envolvendo a comunidade universitária. 

Tem como princípio geral o entendimento da cultura como um direito básico do cidadão. Para isso, pauta-se pela promoção da diversidade cultural, democratização da produção e do acesso à cultura, responsabilidade socioambiental, promoção da interlocução entre múltiplos territórios e cartografias culturais, assim como pela discussão de políticas de fomento.

Foi a partir dos debates e diálogos realizados durante o fórum, que, em 2014, elaborou-se o Plano UFMG de Cultura. O plano fundamentou e orientou uma série de avanços na UFMG, como: o processo de institucionalização da gestão cultural através da ampliação e consolidação da Diretoria de Ação Cultural da UFMG (DAC); a integração de seu sistema de cultura; a aprovação do notório saber para mestres de tradições; a Formação Transversal em Culturas em Movimento e Processos Criativos ofertada para toda a comunidade de estudantes; entre outros. 

Edição 2019

Entre 19 e 22 de agosto, a Diretoria de Ação Cultural promoveu uma nova edição do encontro, sob o tema 'Políticas e Gestão Cultural nas Instituições de Ensino Superior'. O objetivo foi impulsionar a elaboração de uma nova versão do plano de cultura da UFMG para os anos 2020/2023. Convidados internacionais e nacionais com larga experiência na área contribuíram para as reflexões fundamentais que antecedem essa nova etapa, integrando a UFMG a um trabalho compartilhado de discussão e formulação de políticas de cultura nos âmbitos nacional, estadual e municipal.

O evento da UFMG aconteceu simultaneamente com o 'Encontro Internacional Arte, Cultura e Democracia no século 21', promovido pela Secretaria Municipal de Cultura (SMC) de Belo Horizonte, em uma parceria resultante do acordo de cooperação assinado em agosto de 2019 entre as duas instituições. A edição 2019 do Fórum também integra o contexto de articulação nacional de gestores de cultura das IES por meio do Fórum Nacional de Gestão Cultural das IES (Forcult), e de seus desdobramentos regionais. Por isso, abrigou a reunião do Grupo de Trabalho do Forcult Sudeste, formado como parte de uma proposta de cooperação técnica entre as IES, em que se objetiva discutir a institucionalização da política e da gestão cultural por meio da formulação de Planos de Cultura nas universidades. O Forcult também propõe que os Planos de Desenvolvimento Institucional das IES contemplem a cultura.
 
alt

Institucionalização da cultura

Em curso há mais de uma década, a estruturação do sistema nacional de cultura, envolvendo o Plano Nacional de Cultura, busca cumprir o que estabelece a Constituição do país em seu artigo 215: “o Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais”.

O Plano de Desenvolvimento Institucional da UFMG (2018/2023) estabelece que "a cultura deve ser compreendida como espaço de interação com todos os segmentos da Comunidade Universitária, com a comunidade externa e com a cidade na qual habitamos e com a qual interagimos. Nesse sentido, a cultura potencializa a interação entre os saberes produzidos na Universidade e os saberes tradicionais e plurais, abrindo espaço para os saberes compartilhados, a reflexão crítica e a construção coletiva em campos como os direitos humanos e sociais, a inclusão, a cidadania”.
 
Sobre a política cultural da UFMG, o PDI afirma que “esta parte do entendimento de que é necessário fortalecer as iniciativas já implementadas, dando prosseguimento a uma reflexão conceitual aprofundada sobre as muitas formas de produção cultural, articulando os vários espaços e equipamentos culturais da Instituição. As ações institucionais visam à valorização da cultura como espaço privilegiado de produção de conhecimento, articulada com as atividades de ensino, pesquisa e extensão, e não simplesmente como um conjunto de atividades e eventos desvinculados das práticas acadêmicas. Assim, a cultura abre novo caminho para a integração da Universidade com a sociedade, permitindo a produção de um espaço comum de saberes compartilhados". 
 
A criação da Pró-Reitoria de Cultura da UFMG consta dos objetivos dos planos de Desenvolvimento Institucional da universidade em suas últimas versões. A Pró-Reitoria é o próximo passo no processo de institucionalização da Cultura na universidade. Estruturada hoje sob a forma de uma Diretoria, a área de cultura da universidade terá assim consolidadas as necessárias estruturas democráticas de sua gestão e o reconhecimento de sua dimensão acadêmica, em estreita articulação com o Ensino, a Pesquisa e a Extensão.

alt
 
 
Você está aqui: Projetos Fórum UFMG de Cultura