O que faz a PRAE

Conselho Universitário aprova a criação da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis. Veja a resolução

A Pró-reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE) foi criada em novembro de 2014, e era uma reivindicação histórica do movimento estudantil na UFMG, sendo aprovada por unanimidade pelo Conselho Universitário. Os três eixos de atuação da PRAE são:
– ações afirmativas,
– assistência estudantil e
– apoio a projetos de estudantes.

 

Uma Pró-reitoria para chamar de sua

 
A UFMG, que se pretende cada vez mais inclusiva, tem o desafio de propor e realizar políticas que enriqueçam a formação acadêmica de seus estudantes.

Uma rica diversidade de estudantes: com seus pertencimentos étnicos-raciais, seus corpos, gêneros, suas idades, suas crenças, sua orientação sexual, suas condições socioeconômicas e culturais, e tanto mais. Pessoas com experiências diversas, e suas histórias de vida. Todas com direito à UFMG.

Conhecer a diversidade de sujeitos e compreender suas experiências são exigências primeiras para uma política de assuntos estudantis ancorada na equivalência de direitos: para que não apenas cheguem à UFMG, mas que aqui realizem o percurso de formação acadêmica que desejam. As novas circunstâncias exigem uma UFMG que responda aos desafios contemporâneos.

Perguntar quem são os alunos da UFMG, o que eles demandam é fundamental para formular políticas estudantis consistentes e sintonizadas com as necessidades que apresentam.

 

Responsabilidades da PRAE

 

  • Elaborar, coordenar e avaliar ações que integram a política de assuntos estudantis da UFMG para atender aos direitos de estudantes, em três domínios: a execução de um programa de ações afirmativas; o apoio ao desenvolvimento de projetos acadêmicos propostos por estudantes; e a execução de um programa de assistência estudantil em parceria com a Fundação Universitária Mendes Pimentel (FUMP).
  • Promover o permanente combate ao preconceito e às opressões de qualquer natureza, zelando pela equidade de direitos na comunidade estudantil é outra responsabilidade da PRAE, em parceria com o DCE e a Ouvidoria

 

À Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis compete:

 
I – elaborar, coordenar e avaliar a execução de programas, projetos e ações para compor a política de assuntos estudantis;

II – elaborar, coordenar e avaliar programas e ações de fomento a projetos acadêmicos do corpo discente;

III – elaborar, coordenar e avaliar programas, projetos e ações de assistência estudantil, a serem executados pela Fundação Universitária Mendes Pimentel – FUMP;

IV – elaborar, coordenar e avaliar programas e projetos de ações afirmativas ligados a assuntos estudantis;

V – promover o permanente combate ao preconceito e às opressões de qualquer natureza, zelando pela equidade de direitos da comunidade estudantil;

VI – coordenar as atividades de suas diretorias administrativas, assessorias, coordenadorias e comissões de trabalho;

VII – manter articulação acadêmica com a FUMP, as demais Pró-Reitorias e quaisquer setores da UFMG e da comunidade externa para estabelecer convênios, acordos e parcerias visando à implementação e à articulação da política de assuntos estudantis.”

VIII – Apoiar as atividades esportivas e culturais dos estudantes da UFMG.

Estrutura

 

A estrutura da Pró- Reitoria de Assuntos Estudantis- PRAE está organizada em:

I – Pró-Reitor;
II – Pró-Reitor Adjunto;
III – Conselho de Assuntos Estudantis;
IV – Secretaria;
V – Diretorias administrativas.

 

§1o A PRAE poderá criar assessorias, consultorias, coordenadorias e comissões de trabalho, entre outras, com o objetivo de conduzir a política de assuntos estudantis.