Definição

Evento de caráter pedagógico, científico e cultural, composto por palestras,  debates e uma mesa redonda, que trazem para a formação dos alunos de Farmácia temas de relevância social, acadêmica e científica que permeiam toda a realidade em torno do medicamento, discutindo das etapas para sua produção ao uso na população.Objetivo e Abrangência.

Justificativa

O Centro de Estudos do Medicamento (CEMED) é uma organização acadêmica vinculada ao Departamento de Farmácia Social da Faculdade de Farmácia da UFMG, membro da Rede Brasileira de Centros e Serviços de Informação sobre Medicamentos (REBRACIM), formada por professores, farmacêuticos e graduandos de farmácia para desenvolvimento de trabalhos que se inserem no campo da utilização de medicamentos, com foco prioritário na informação para o uso seguro. Tem por objetivo desenvolver trabalhos de ensino, pesquisa e extensão nas áreas dos Estudos de Utilização de Medicamentos, da Farmacoepidemiologia e da Farmacovigilância, prestando serviços à comunidade universitária, aos profissionais e ao público/população em geral por meio da divulgação de informação para uso racional de medicamentos.

Na missão de informar sobre e formar para o uso correto de medicamento, o CEMED assume que a graduação de profissionais envolve não apenas a aquisição de conhecimento técnico-científico, mas também o entendimento de questões sociais, políticas, econômicas e culturais. Para os graduandos de farmácia, em especial, é importante compreender todo o ciclo do medicamento, desde a fase de pesquisa e desenvolvimento até a sua utilização, e desenvolver uma visão crítica em relação às atividades do setor farmacêutico industrial e comercial.

Este setor, considerado um dos mais poderosos da economia mundial, promove práticas reconhecidas como promotoras do consumo exagerado e distorcido de medicamentos, o que pode trazer danos aos usuários e ao sistema de saúde. O consumo de medicamentos fora dos padrões de racional idade científica pode levar à exacerbação ou prolongamento da doença e à sobrecarga do sistema de saúde, com o aumento das consultas, das internações hospitalares e, consequentemente, dos custos. A superação desse problema de saúde pública está vinculada, entre outras medidas, à formação de profissionais capazes de tomarem decisões que promovam o maior benefício com mínimo risco de danos e de promoverem a conscientização dos pacientes quanto ao uso adequado dos medicamentos.

Ciente disso, o CEMED pauta suas ações com o objetivo de aprimorar a formação dos graduandos da Faculdade de Farmácia da UFMG na área do uso racional de medicamentos, focando na compreensão crítica da evidência científica e dos determinantes sociais e culturais do seu consumo. Para tanto, busca promover diferentes formas de aprimorar o ensino na área da informação sobre o medicamento, associando ações integradas com práticas de extensão, pesquisa e pós-graduação, atividades em que o aluno assume protagonismo na produção de conhecimento. Nesse sentido, o CEMED oferta uma disciplina optativa na graduação (Tópicos em Informação sobre Medicamentos), divulga informações científicas produzidas por meio de diferentes mídias sociais (810g, Facebook, Twitter, Instagram) e promove seminários mensais abertos à comunidade.

Com a realização do I Simpósio do Centro de Estudos do Medicamento, o CEMED busca promover uma maior interação entre aluno, comunidade acadêmica e público em geral, conscientizando-os sobre a complexa realidade acerca do uso do medicamento na sociedade.

Objetivos

  • Despertar a consciência do graduando em farmácia, em especial àqueles que estão cursando os períodos iniciais do curso, a respeito da complexa realidade científica, social e antropológica do medicamento como tecnologia de saúde;
  • Apresentar e discutir aspectos fundamentais da pesquisa e desenvolvimento de novos fármacos dentro das confluências de seus desafios científicos, tecnológicos, econômicos e sociais;
  • Apresentar e discutir acerca das potencialidades e limitações científicas da fase de ensaios clínicos, concentrando foco especial na questão das evidências sobre a segurança do uso dos medicamentos;
  • Discorrer sobre aspectos da informação científica que suporta as ações de prescrição e uso de medicamentos, bem como das ações desenvolvidas atualmente no mundo para a divulgação dessas informações, baseadas em análises críticas acessíveis aos diferentes públicos, focando na realidade brasileira e nas ações desenvolvidas especificamente pelo CEMED.

Equipe

  • Gean Lucas de Araújo Alves – Coordenador
  • Alessandra Caroline Montes Frade
  • Ana Luiza Brandão Neiva da Silva
  • Claudvane Pinheiro Marinho
  • Daniela Fernandes Silva
  • Erika Paz de Souza Santos
  • Gustavo Henrique Silva Sidrim
  • Lívia Juliana Reis Duarte
  • Louise Cristina Oliveira Santos
  • Manuele de Souza Fonseca
  • Raissa Carolina Fonseca Cândido
  • Weverton Teixeira da Silva