Brumadinho: publicadas novas chamadas para reparação de danos

Área de manancial atingida pelos rejeitos da barragem de Brumadinho, em janeiro de 2019
Área de manancial atingida pelos rejeitos da barragem de Brumadinho, em janeiro de 2019 Diego Baravelli / Wikimedia Commons / CCBY-4.0

O projeto de extensão Brumadinho UFMG lançou novas chamadas com objetos distintos para a seleção de subprojetos. O objetivo é selecionar 17 propostas com vistas à avaliação e reparação dos danos provocados pelo rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão.

As chamadas contemplam áreas diversas e têm como público preferencial pesquisadores e professores da UFMG. As propostas deverão conter a descrição das etapas e atividades de execução, sequência e cronograma, despesas, aquisição de equipamentos e serviços, programação de entrega de relatórios parciais, finais e a definição de indicadores de cumprimento de atividades e fases.

As propostas e seus documentos complementares deverão ser enviados para o e-mail projetobrumadinhoufmg@ufmg.br, de acordo com as condições e prazos exigidos em cada documento. As chamadas estão disponíveis no site do projeto.

O projeto
O projeto Brumadinho UFMG foi lançado em novembro de 2019. O objetivo principal é auxiliar a 6ª Vara da Fazenda Púbica de Belo Horizonte a identificar e a avaliar os impactos decorrentes da tragédia ocorrida em janeiro daquele ano.

Ao fim da execução das ações selecionadas, serão apresentados um relatório de avaliação consolidado e o plano de recuperação das áreas atingidas pelo desastre.

A Barragem I da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, rompeu-se em 25 de janeiro do ano passado. Além das perdas humanas, foi registrada uma série de consequências e impactos pessoais, sociais, ambientais, econômicos e patrimoniais em extensa faixa territorial, em especial ao longo da Bacia do Rio Paraopeba.

Comitê técnico-científico
O comitê técnico-científico do Projeto Brumadinho-UFMG é responsável por elaborar chamadas públicas para seleção de subprojetos de pesquisa e extensão e supervisionar a sua implementação e execução para o alcance dos objetivos gerais e específicos.

O Comitê Técnico-Científico do Projeto Brumadinho-UFMG coordenará as ações desenvolvidas para avaliação dos impactos do rompimento da Barragem I da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho. As atividades são divididas conforme concepção do comitê técnico-científico do Projeto Brumadinho-UFMG e realizadas mediante seleção de subprojetos em chamadas que tenham pertinência com os objetivos constantes da iniciativa.

Com Assessoria de Comunicação da Pro-reitoria de Extensão