Universidade Federal de Minas Gerais

Reprodução
livro de Espacialidades em Rede.jpg

Pesquisadores do IGC lançam livro sobre urbanização no Brasil

sexta-feira, 14 de outubro de 2005, às 9h48

O processo recente de urbanização no Brasil é o tema central do livro Espacialidades em rede - População, Urbanização e Migração no Brasil Contemporâneo, a ser lançado no dia 17 de outubro, a partir das 19h, na Livraria da Travessa (avenida Getúlio Vargas, 1045 – Savassi). Organizada pelo professor Ralfo Matos, do Instituto de Geociências (IGC), a obra é editada através de parceria entre o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico e a editora C/Arte.

Escrito por pesquisadores ligados ao Departamento de Geografia do IGC, o livro é resultado de rigorosa pesquisa, que servirá aos interessados nos estudos sobre os novos processos socioespaciais. A obra busca investigar o processo de urbanização recente no Brasil, relacionando a influência da geografia e a constituição das macrorregiões político-administrativas. Os pesquisadores analisam algumas macroterritorialidades geográficas, para, em seguida, aprofundar seu estudo em Belo Horizonte.

A obra conta com a análises interdisciplinares, que não se limitam à geografia. A publicação reúne uma série de artigos sobre o tema, cujo fio condutor é a discussão sobre o Brasil e suas principais transformações na (re)distribuição espacial da população urbana, sob a ótica de fatores que influenciaram a conformação do espaço e a mobilidade populacional e econômica.

“Três Brasis”
O primeiro capítulo de Espacialidades discute a perspectiva da geografia em torno do debate sobre a constituição de macroregiões político-administrativas, das metamorfoses do espaço nacional à discussão de sua dinâmica territorial. Em seguida, há caracterização da Rede de Localidades Centrais (RCL) do Brasil ao final do século 20. Neste ponto, os pesquisadores investigam “três Brasis”, caracterizados por diferenças que conferem ao país um traço característico e marcante: a diversidade econômica e social das regiões e da população brasileira.

Um dos capítulos explora a dimensão da rede urbana brasileira, consubstanciada na discussão de questões de gênero, chefia de domicílios e status migratório. Como desfecho da primeira parte, há análise da mobilidade populacional no espaço sob a ótica das redes geográficas e das redes sociais.

Belo Horizonte
A segunda parte do livro é dedicada à discussão de macroterritorialidades geográficas: Brasil meridional e países do mercosul, Minas e São Paulo. O primeiro texto apresenta os elementos relacionados a antigas e novas territorialidades do Brasil meridional, que favoreceriam o dinamismo de determinadas localidades do Cone Sul. Em seguida, há análise específica da inversão de tendências históricas da migração entre Minas Gerais e São Paulo, aspecto que atualiza a característica do estado em relação aos fluxos migratórios.

Em sua terceira parte, a obra focaliza as denominadas microterritorialidades geográficas, especificamente Belo Horizonte e Região Metropolitana. No capítulo 7, é discutido o fenômeno da metropolização, com referência a BH, ressaltando que nem sempre a expansão urbana e demográfica culmina com melhoria das condições de vida de seus residentes.

No capítulo, também é abordada a questão da pobreza urbana que permeia a redistribuição da população em periferias da capital mineira. Ao encerrar a obra, o capítulo 9 trata de questões teóricas acerca dos padrões espaciais de distribuição das atividades econômicas no espaço, vis-a-vis com o processo de desconcentração iniciado na década de 1970.

Espacialidades em rede - População, Urbanização e Migração no Brasil Contemporâneo é composto por 264 páginas, em formato brochura, e pode ser encontrada nas livrarias da cidade e através do site www.comarte.com, a R$ 35,00.

Mais informações na Editora C/ Arte, através do telefax: (31) 3491-2001.

03/dez, 10h03 - ‘Todo cidadão tem o direito de conhecer a ciência’, afirma vice-presidente da SPBC em fórum na UFMG

02/dez, 19h29 - Professores da UFMG e do Ibmec discutem gastos públicos, papel do Estado e democracia para criticar e defender a PEC 55

02/dez, 17h15 - PEC do Teto é 'erro técnico absurdo' e compromete avanço da ciência brasileira, avaliam especialistas em debate no campus Pampulha

02/dez, 16h18 - Programa Dois Pontos, da TV UFMG, reúne economistas para debater PEC que limita gastos públicos

02/dez, 6h51 - Departamento de Química intensifica cooperação científica com instituições dos BRICS

02/dez, 6h44 - Exame de proficiência em inglês terá sua última aplicação do ano na próxima terça

02/dez, 6h39 - Oficinas ensinam técnicas teatrais e 'percussão corporal' a usuários de Libras

02/dez, 6h26 - Rainha-símbolo da resistência africana é protagonista de HQ que será lançada amanhã

01/dez, 15h48 - Plataformas colaborativas na área de mineração serão apresentadas em palestra nesta sexta

01/dez, 14h50 - Seminário discute impactos da 'PEC do Teto' na ciência

01/dez, 9h55 - Debate sobre a PEC 55 vai reunir, nesta sexta, professores da Face e do Ibmec

01/dez, 9h35 - Pesquisador da Química segue rota dos mineralogistas que procuravam salitre e chumbo nas Minas Gerais do século 19

01/dez, 7h01 - Em simpósio no campus Pampulha, pesquisador do ICB fala sobre controle dos efeitos dos nanomateriais em seres vivos

01/dez, 6h51 - Projeto da Escola de Arquitetura recebe menção especial em concurso espanhol

01/dez, 6h47 - Fachada digital na Praça da Liberdade projeta cartuns de festival de humor em aids e produção inspirada nos quatro elementos

Classificar por categorias (30 textos mais recentes de cada):
Artigos
Calouradas
Conferência das Humanidades
Destaques
Domingo no Campus
Eleições Reitoria
Encontro da AULP
Entrevistas
Eschwege 50 anos
Estudante
Eventos
Festival de Inverno
Festival de Verão
Gripe Suína
Jornada Africana
Libras
Matrícula
Mostra das Profissões
Mostra das Profissões 2009
Mostra das Profissões e UFMG Jovem
Mostra Virtual das Profissões
Notas à Comunidade
Notícias
O dia no Campus
Participa UFMG
Pesquisa
Pesquisa e Inovação
Residência Artística Internacional
Reuni
Reunião da SBPC
Semana do Conhecimento
Semana do Servidor
Seminário de Diamantina
Sisu
Sisu e Vestibular
Sisu e Vestibular 2016
UFMG 85 Anos
UFMG, meu lugar
Vestibular
Volta às aulas

Arquivos mensais:
dezembro de 2016 (17)
novembro de 2016 (141)
outubro de 2016 (229)
setembro de 2016 (219)
agosto de 2016 (188)
julho de 2016 (176)
junho de 2016 (213)
maio de 2016 (208)
abril de 2016 (177)
março de 2016 (236)
fevereiro de 2016 (138)
janeiro de 2016 (132)
dezembro de 2015 (148)
novembro de 2015 (214)
outubro de 2015 (256)
setembro de 2015 (195)
agosto de 2015 (209)
julho de 2015 (184)
junho de 2015 (225)
maio de 2015 (248)
abril de 2015 (215)
março de 2015 (224)
fevereiro de 2015 (170)
janeiro de 2015 (156)
dezembro de 2014 (163)
novembro de 2014 (245)
outubro de 2014 (281)
setembro de 2014 (267)
agosto de 2014 (229)
julho de 2014 (183)
junho de 2014 (156)
maio de 2014 (239)
abril de 2014 (236)

Expediente