Universidade Federal de Minas Gerais

cuba.gif

Experiência cubana mostra que universidade precisa estar atenta às demandas sociais

sexta-feira, 6 de junho de 2008, às 14h08

Marcílio Lana, de Cartagena das Índias (Colombia) – A Universidade de Havana, de Cuba, trouxe à Conferência Regional da Educação Superior (CRES 2008) uma experiência que a defesa de um modelo de instituição de ensino superior que direciona esforços e atenção às demandas sociais, premissa denominada como a “terceira missão das universidades”.

O professor cubano Jorge Nuñez Jover defendeu, durante a mesa-redonda “Educação superior, ciência, tecnologia e inovação”, organizada pelo Instituto Colciencias, da Colômbia, que pesquisa e desenvolvimento social devem andar lado a lado.

"O papel do ensino superior na inovação e no desenvolvimento deve ser preponderante.
Em Cuba, os cursos superiores são bem distribuídos pelo território nacional e comprometidos com a temática do desenvolvimento social. A municipalização do ensino superior acabou gerando desenvolvimento local”, informou o acadêmico cubano. Em Cuba, 61,8% estudantes estão matriculados em cursos superiores.

Jorge Nuñez Jover ressaltou também que a participação do Estado e a cooperação internacional são decisivas para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia: "Nosso país está se transformando numa economia de serviços e o crescimento do PIB, em 2005, atingiu 12,5%. Boa parte desse desempenho está ligado a acordos comerciais, sobretudo com China e Venezuela", explicou.

Caso concreto
O professor da Universidade de Havana apresentou para a platéia do auditório Getsemani do Centro de Conferência de Cartagena das Índias a experiência de uma pesquisa que se dedicou a criar vacina para os vírus influenza, incluídos no grupo dos vírus causadores de infecções respiratórias. “O grupo perseguiu um objetivo social, pois em Cuba, a saúde, pública e gratuita, é uma prioridade”, comentou.

Jorge Nuñez Jover criticou os acadêmicos que valorizam excessivamente a publicação de “papers” em publicações científicas internacionais em detrimento de investigações que busquem soluções para demandas concretas da sociedade.

Para o professor cubano, é necessário que as instituições de ensino superior deixem de ser “torres de marfim”, enclausuradas em motivações individuais e não em questões do território social. “A qualidade científica não pode estar desassociada da relevância social”, determinou. Nuñez Jover destacou que o trabalho desenvolvido por um grupo de pesquisadores da Universidade de Havana obteve reconhecimento de diversos organismos e periódicos científicos, recebendo diversas premiações internacionais

27/mai, 8h35 - UFMG está entre as 10 universidades de maior prestígio na América Latina, segundo ranking da Times Higher Education

27/mai, 7h54 - Fafich promove curso sobre estudos de impacto ambiental; inscrições até quarta

27/mai, 7h43 - Exame de proficiência em inglês voltará a ser aplicado nos próximos dias 3 e 7; inscrições abertas

27/mai, 7h33 - Programa de extensão leva ao Vale do Jequitinhonha atividades sobre educação, sociedade e matemática

27/mai, 7h22 - Servidores e estudantes podem se inscrever no programa de apadrinhamento de estudantes estrangeiros

27/mai, 7h19 - Ensaios reunidos em livro da Editora UFMG discutem viés transgressor da literatura e das artes

26/mai, 15h40 - Novo habeas corpus reforça suspensão das investigações da Polícia Federal contra professora italiana da UFMG

25/mai, 12h33 - Tese da História vence Grande Prêmio UFMG 2015 na área de Humanidades

25/mai, 11h15 - Minicurso na Fale abordará influência da cultura greco-latina no cinema brasileiro

25/mai, 10h51 - Alunos de Farmácia realizam ações de combate ao Aedes aegypti

25/mai, 8h40 - Prorrogado prazo para envio de trabalhos para seminário sobre dança

25/mai, 6h48 - Eventos na FaE vão debater mestrados profissionais e desafios da educação básica

25/mai, 6h41 - Ars Nova seleciona soprano, contralto e baixo

25/mai, 6h40 - Campus Montes Claros realiza workshop ambiental nesta sexta

25/mai, 6h39 - Escola de Enfermagem promove debate sobre financiamento da política e da saúde no Brasil

Classificar por categorias (30 textos mais recentes de cada):
Artigos
Calouradas
Destaques
Domingo no Campus
Eleições Reitoria
Encontro da AULP
Eschwege 50 anos
Estudante
Eventos
Festival de Inverno
Festival de Verão
Gripe Suína
Jornada Africana
Libras
Matrícula
Mostra das Profissões
Mostra das Profissões 2009
Mostra das Profissões e UFMG Jovem
Mostra Virtual das Profissões
Notas à Comunidade
Notícias
O dia no Campus
Participa UFMG
Pesquisa
Pesquisa e Inovação
Residência Artística Internacional
Reuni
Reunião da SBPC
Semana do Conhecimento
Semana do Servidor
Seminário de Diamantina
Sisu
Sisu e Vestibular
Sisu e Vestibular 2016
UFMG 85 Anos
UFMG, meu lugar
Vestibular
Volta às aulas

Arquivos mensais:
maio de 2016 (190)
abril de 2016 (177)
março de 2016 (236)
fevereiro de 2016 (138)
janeiro de 2016 (132)
dezembro de 2015 (148)
novembro de 2015 (214)
outubro de 2015 (256)
setembro de 2015 (195)
agosto de 2015 (209)
julho de 2015 (184)
junho de 2015 (225)
maio de 2015 (248)
abril de 2015 (215)
março de 2015 (224)
fevereiro de 2015 (170)
janeiro de 2015 (156)
dezembro de 2014 (163)
novembro de 2014 (245)
outubro de 2014 (281)
setembro de 2014 (267)
agosto de 2014 (229)
julho de 2014 (183)
junho de 2014 (156)
maio de 2014 (239)
abril de 2014 (236)
março de 2014 (202)
fevereiro de 2014 (228)
janeiro de 2014 (130)
dezembro de 2013 (180)
novembro de 2013 (282)
outubro de 2013 (280)
setembro de 2013 (233)

Expediente