Universidade Federal de Minas Gerais

nwt.jpg

The New York Times destaca estudo sobre influência no Twitter feito por pesquisador da UFMG

sábado, 20 de março de 2010, às 17h26

Ter milhões de seguidores não é sinônimo de influência no Twitter, como pode parecer à primeira vista, acaba de demonstrar um grupo de pesquisadores, que tem entre eles o brasileiro Fabrício Benevenuto, doutor em ciência da computação pela UFMG. A conclusão consta em artigo que será apresentado em maio na quarta Conferência Internacional sobre Weblogs e Mídia Social, em Washington, mas que já ganhou as páginas da edição deste sábado, 20 de março, do jornal The New York Times. Intitulado The million follower fallacy: audience size doesn't prove influence on Twitter, ele ganhou destaque na editoria de Tecnologia do veículo.

"Fui supreendido com a discussão sobre o artigo no jornal", escreveu Benevenuto à reportagem do Portal UFMG. Ele defendeu tese de doutorado no último dia 12 de março, pelo Departamento de Ciência da Computação da UFMG, abordando uma análise empírica sobre interações em redes sociais.

Para o artigo divulgado antecipadamente pelo The New York Times, o grupo de pesquisadores empreendeu uma tarefa complexa: examinar as contas de Twitter de 54 milhões de usuários ativos, entre as cerca de 80 milhões de contas rastreadas, com a permissão da empresa, conforme relata Sarah Perez autora da reportagem.

Desse total, eles se concentraram em cerca de seis milhões de usuários e avaliaram a forma como interagiam com o conjunto de usuários da rede, por meio de três medidas: número de retweets, seguidores e menções.

"A conclusão?", pergunta Perez, para em seguida responder: "Aqueles com o maior número de seguidores podem ser 'tuiteiros' populares, mas isso não está necessariamente relacionado à sua influência. Contagens altas de seguidores nem sempre significam que alguém está sendo retuitado ou mencionado de forma significativa", escreve.

Os pesquisadores exemplificam mostrando que os usuários mais seguidos no Twitter são celebridades, figuras públicas como políticos e fontes de notícias, incluindo aí a CNN e The New York Times, Barack Obama, Shaquille O'Neal, Ashton Kutcher, Britney Spears e outros.

Mas a maioria dos usuários retuitados, ou mais influentes, "tendem a ser serviços de agregação de conteúdo, como TwitterTips, TweetMeme, e, curiosamente, contavam o blog de tecnologia Mashable como um serviço de agregação, também. Outros usuários fortemente retuitados incluíam Guy Kawasaki, e, novamente, o The New York Times", registra Sarah Perez.

Ela observa que os autores da pesquisa também examinaram a capacidade de os usuários do Twitter influenciar os outros. "Os pesquisadores determinaram que os mais influentes aparecem dominando de modo significativo uma variedade de tópicos, ao contrário de serem especialistas em apenas uma área", completa.

O artigo abordando métricas de influência no Twitter, publicado pelo NYT, tem também como autores Hamed Haddadi, da Universidade de Londres, Meeyoung Cha e Krishna P. Gummadi, do Instituto Max Planck, da Alemanha.

O artigo Measuring User Influence in Twitter: The Million Follower Fallacy está disponível na web.

23/fev, 10h28 - Vacinação contra febre amarela no campus Pampulha segue até amanhã

23/fev, 6h55 - Graduandos da Arquitetura ganham menção especial em concurso italiano

23/fev, 6h45 - Proex seleciona material fotográfico para compor mostra virtual ‘Mulheres da Extensão’

23/fev, 6h36 - Espaço do Conhecimento vai fechar durante o Carnaval

22/fev, 12h52 - Jaime Ramírez debate na USP os desafios das universidades brasileiras

22/fev, 9h41 - Estão abertas as inscrições para a 18ª UFMG Jovem

22/fev, 6h56 - Aplicativo do HC sobre cuidados paliativos é um dos mais baixados do Brasil

22/fev, 6h46 - Escola de Música divulga oferta de cursos de extensão para o primeiro semestre

22/fev, 6h37 - Curso de conversação da Fale ensina francês apoiado em situações do cotidiano

21/fev, 18h34 - Morre Mildred Dresselhaus, 'mãe do carbono' e doutora honoris causa da UFMG

21/fev, 18h05 - Reitoria e Sindifes assinam acordo para reposição de atividades não prestadas durante a greve

21/fev, 7h01 - Formação on-line capacita docentes e alunos de pós-graduação que lidam com projetos de ensino

21/fev, 6h56 - Cursos de extensão preparam estudantes e profissionais em temas relacionados à saúde do idoso

21/fev, 6h52 - Software estatístico mais usado em pesquisas acadêmicas é tema de curso do Icex

21/fev, 6h43 - Conservatório oferece espaço para recitais de formatura de graduandos em Música

Classificar por categorias (30 textos mais recentes de cada):
Artigos
Calouradas
Conferência das Humanidades
Destaques
Domingo no Campus
Eleições Reitoria
Encontro da AULP
Entrevistas
Eschwege 50 anos
Estudante
Eventos
Festival de Inverno
Festival de Verão
Gripe Suína
Jornada Africana
Libras
Matrícula
Mostra das Profissões
Mostra das Profissões 2009
Mostra das Profissões e UFMG Jovem
Mostra Virtual das Profissões
Notas à Comunidade
Notícias
O dia no Campus
Participa UFMG
Pesquisa
Pesquisa e Inovação
Residência Artística Internacional
Reuni
Reunião da SBPC
Semana do Conhecimento
Semana do Servidor
Seminário de Diamantina
Sisu
Sisu e Vestibular
Sisu e Vestibular 2016
UFMG 85 Anos
UFMG, meu lugar
Vestibular
Volta às aulas

Arquivos mensais:
fevereiro de 2017 (134)
janeiro de 2017 (109)
dezembro de 2016 (108)
novembro de 2016 (141)
outubro de 2016 (229)
setembro de 2016 (219)
agosto de 2016 (188)
julho de 2016 (176)
junho de 2016 (213)
maio de 2016 (208)
abril de 2016 (177)
março de 2016 (236)
fevereiro de 2016 (138)
janeiro de 2016 (132)
dezembro de 2015 (148)
novembro de 2015 (214)
outubro de 2015 (256)
setembro de 2015 (195)
agosto de 2015 (209)
julho de 2015 (184)
junho de 2015 (225)
maio de 2015 (248)
abril de 2015 (215)
março de 2015 (224)
fevereiro de 2015 (170)
janeiro de 2015 (156)
dezembro de 2014 (163)
novembro de 2014 (245)
outubro de 2014 (281)
setembro de 2014 (267)
agosto de 2014 (229)
julho de 2014 (183)
junho de 2014 (156)

Expediente