Centro Especializado em Plantas
Aromáticas, Medicinais e Tóxicas
Universidade Federal de Minas Gerais

Arnicas-da-serra

Lychnophora spp.

ASTERACEAE

Karina Cruz de Lima - Faculdade de Farmácia/ UFRJ

Planta Viva

Droga Vegetal

Arnica é o nome originalmente atribuído à espécie Arnica montana L., de origem européia e que não ocorre no Brasil. Espécies Lychnophora spp. engloba um grupo de plantas da família Asteraceae, conhecidas popularmente como “arnicas da serra”. Elas são nativas do Brasil e tem distribuição geográfica principalmente em campos rupestres, uma vegetação associada ao domínio fitogeográfico do Cerrado.

O uso das Lychnophoras como substituto da Arnica montana no tratamento de inflamações foi iniciado com a chegada dos migrantes italianos ao Brasil. Eles considerarm a planta bastante semelhante à arnica original e passaram a usar como anti-inflamatório e analgésico. Por esse motivo as Lychnophoras ficaram conhecidas como  “falsa arnica”.

Uma das espécies avaliadas quanto ao potencial bioativo está a L. ericoides: estudos recentes relatam capacidade anti-carcinogênica e analgésica das folhas da planta. Os extratos das folhas apresentam flavonoides e lactonas sesquiterpênicas, ácidos cafeoilquínicos, di-C-glicosilflavonas, sendo que os representantes desse último grupo como a vicenina-2 e a 6,8-di-C-β-glicosil-crisina tem atividade anti-inflamatória e antioxidante in vitro. O óleo volátil contém  sesquiterpenos como α-cadinol, (E)-nerolidol, óxido de cariofileno e derivados dobisabolano como ar-di-hidro-turmerona, ar-curcumeno, ar-turmerol e α-bisabolol, substâncias com também ação anti-inflamatória.

Infelizmente, devido a coleta indiscriminada das Lychnophoras, elas já estão sendo consideradas ameaçadas de extinção.

 

REFERÊNCIAS

Petinatti, P.D., Nogueira, E.F., Callejon, D.R., Soares, D.M., Souza, G.E,, Cunha, F.d.Q., Lopes, J.L., Lopes, N.P.. Novel bisabolane derivative from “arnica-da-serra” (Vernonieae: Asteraceae) reduces pro-nociceptive cytokines levels in LPS-stimulated rat macrophages. J Ethnopharmacol. v.148, n.3, p.993-8, 2013

Fernandes, C.R., Turatti, A., Gouvea, D.R., Gobbo-Neto, L., Diniz, A., Ribeiro-Silva, A., Lopes, N.P., Garcia, S.B. The protective role of Lychnophora ericoides Mart. (Brazilian arnica) in 1,2-dimethylhydrazine-induced experimental colon carcinogenesis. Nutr Cancer. v. 63, n.4, p.593-9, 2011

Apoio

Contatos