Invista no poder da gentileza26/mai

“O que √© ser gentil?
Gentileza √© um modo de agir, um jeito de ser, uma maneira de enxergar o mundo. Ser gentil, portanto, √© um atributo muito mais sofisticado e profundo que ser educado ou meramente cumprir regras de etiqueta, porque embora possamos (e devamos) ser educados, a gentileza se trata de uma caracter√≠stica diretamente relacionada com car√°ter, valores e √©tica; sobretudo, tem a ver com o desejo de contribuir com um mundo mais humano e eficiente para todos. Ou seja, para se tornar uma pessoa mais gentil, √© preciso que cada um reflita sobre o modo como tem se relacionado consigo mesmo, com as pessoas e com o mundo…” (Rosana Braga)

Leia mais aqui

Gentileza em um ambiente hostil19/mai

O post de hoje é uma dica de cinema: o documentário Lixo Extraordinário (Waste Land, 2010) é uma co-produção Brasil/Reino Unido, dirigido pela inglesa Lucy Walker e co-dirigido pelos brasileiros João Jardim e Karen Harley. Recebeu uma indicação ao Oscar de melhor documentário. A ideia surgiu através do artista plástico brasileiro Vik Muniz, que pretendia criar um projeto fotográfico a partir de lixo reciclável com a ajuda dos catadores destes resíduos, de forma que eles fossem diretamente parte da confecção das peças e recebessem algo em troca. O local escolhido foi o Jardim Gamacho, maior aterro do mundo, localizado no Rio de Janeiro. Os catadores foram fotografados e as imagens projetadas no chão e cobertas por materiais encontrados no aterro. As fotografias arrecadaram milhares em um leilão na Inglaterra e grande parte dessa quantia foi direcionada à Associação dos Catadores de Gamacho.

 

Um dos quadros leiloados. O fotografado é Tião Santos, líder da Associação dos Catadores de Gamacho.

 

Mais do que colocar em evid√™ncia a import√Ęncia da reciclagem e atentar nossa percep√ß√£o para o que √© de fato lixo e o que pode ser reaproveitado, o filme mostra o quanto o Brasil ainda precisa se conscientizar sobre essa quest√£o. Mas al√©m dos assuntos ambientais, s√£o as hist√≥rias e o modo de agir dos personagens os aspectos que mais chamam a aten√ß√£o no document√°rio. Antes de encontr√°-los, Vik e os demais realizadores esperavam encontrar algumas dificuldades de relacionamento, considerando as condi√ß√Ķes desagrad√°veis de seu ambiente de trabalho, por√©m, foram surpreendidos por pessoas bem humoradas e receptivas, que apesar de n√£o viverem de modo ideal, consideram seu trabalho digno.

Embora tenha havido um estranhamento inicial, à medida que se sentem parte do projeto, os catadores começam a compreender que a arte não está tão distante como imaginado e se deixam afetar por ela. Há uma bonita transformação em sua percepção sobre a arte e sobre si mesmos, eles se mostram satisfeitos ao serem notados, de a atenção finalmente estar voltada para eles.

O document√°rio aborda as quest√Ķes centrais do Bocados: meio ambiente, lixo e gentileza. Por√©m, creio que as duas primeiras, mais √≥bvias a um olhar inicial, s√£o relegadas a segundo plano quando considerados os diversos exemplos de gentileza; tanto dos realizadores do projeto, com uma iniciativa t√£o ben√©fica a Gamacho, quanto dos catadores, seja no carinho e respeito demonstrados entre si ou na dedica√ß√£o que ofereceram ao trabalho.

 

 

Trailer:

 

Ficha Técnica (IMDB)

 

Gentileza nas unidades da UFMG12/mai

Semana passada iniciamos o envio de material promocional da campanha para diversas unidades da UFMG, acad√™micas e administrativas. A ideia √© que atrav√©s de agentes de comunica√ß√£o, presentes nessas unidades, o conceito da campanha seja colocado e novas a√ß√Ķes partam das especificidades de cada unidade da UFMG. Sabemos dos problemas existentes na Universidade, mas acreditamos tamb√©m que cada um de n√≥s pode fazer um pouco para melhorar ou minimizar os mesmos.

Resultado sorteio de camisetas05/mai

A promo√ß√£o para sorteio de camisetas da campanha Bocados de Gentileza UFMG foi um sucesso. V√°rias pessoas acessaram o blog nos √ļltimos dias e postaram seus coment√°rios. A pergunta a ser respondida era: qual √© o seu bocado de gentileza di√°rio no trato com as pessoas?

Essas foram algumas respostas premiadas:

“Meu bocado de ‚ÄúGentileza‚ÄĚ √© procurar manter ao m√°ximo o Bom Humor, o sorriso e surpreender com delicadezas, mesmo porque sei como adoro ser surpreendida com as mesmas: cumprimento cordial mesmo a desconhecidos, sorriso e elogios sinceros‚Ķ Vou me exercitando, enxergando as gentilezas sutis e repassando‚Ķ” – autor do post: Ana Ang√©lica

“Bocados de gentileza s√£o: mesmo com raiva ter paci√™ncia com o outro. Oferecer a quem precisa. Cuidar do meio ambiente. Saber ouvir. N√£o gritar com ningu√©m. Saber conviver com opini√£o contr√°ria,op√ß√Ķes contr√°rias,vontades contr√°rias. Nunca achar que gentileza se encontra numa lista, mas sim no cora√ß√£o e na atitude‚Ķ” – autor do post: Renan Antunes

“Um bocado de gentileza aqui, mais um pouco ali.
Por menor que seja, gera no desconhecido um sentimento de ‚Äúacolhimento‚ÄĚ indo de encontro ao individualismo que toma conta das metr√≥poles.

‚Ķafinal, gentileza gera gentileza.” – autor do post: Caroline Nobre

Bom, todos os vencedores ser√£o comunicados por email e no mesmo receber√£o instru√ß√Ķes para a retirada do pr√™mio.

Agradecemos a participação de todas as pessoas. Em breve lançaremos uma nova promoção.

 

Gentileza em BH05/mai

Uma cidade com mais de dois milh√Ķes e trezentos mil habitantes. Cerca de 1 milh√£o de ve√≠culos. Cen√°rio que nem sempre facilita a conviv√™ncia das pessoas. A pressa para chegar aos compromissos e os problemas do cotidiano contribuem para alterar o humor de muita gente.

Dar um bom dia e estar com um sorriso no rosto parecem ser atitudes raras. Mas s√£o pequenos gestos como esses que contribuem para melhorar as rela√ß√Ķes sociais, seja no trabalho, na escola ou na faculdade.

Na semana de lan√ßamento da campanha Bocados de Gentileza, a TV UFMG produziu uma s√©rie de mat√©rias sobre a boa educa√ß√£o dentro da universidade.¬†Atitudes que podem fazer a diferen√ßa no tr√Ęnsito no campus, na preserva√ß√£o do meio ambiente e na forma como o lixo √© tratado.

Na mat√©ria que foi ao ar no dia 08 de abril no Circuito UFMG, a rep√≥rter Janaina Coelho conversou com pessoas que trabalham com o p√ļblico. Mesmo com a falta de gentileza de alguns ainda h√° espa√ßo para a boa educa√ß√£o.

E na UFMG…