Universidade Federal de Minas Gerais

Professores_2.GIF
Berenice Menegale e José Adolfo:
homenagem

Idealizadores do 1° Festival de Inverno da UFMG relembram história do evento

segunda-feira, 2 de junho de 2008, às 9h30

Este ano, o Festival de Inverno da UFMG chega a sua 40ª edição se firmando como um dos mais importantes e tradicionais eventos culturais do país. Realizado em Ouro Preto no ano de 1967, o primeiro festival foi idealizado por professores da Escola de Belas-Artes e da Fundação de Educação Artística (FEA). A reportagem do site da UFMG colheu série de depoimentos desses pioneiros. Aqui, eles relembram os 41 anos de história desta importante movimentação cultural:

Quando aconteceu o primeiro Festival de Inverno da UFMG, Maria Clara Paes Leme Pinheiro Moreira era diretora da Escola de Música da Fundação de Educação Artística. Para ela, um dos pontos principais foi o entrosamento existente entre as duas escolas para a realização do festival, que aconteceu em Ouro Preto. “Aquele festival representou um grande acontecimento, que deixou muita saudade. Hoje ele engrandece o nome de Minas e propaga a sua arte” lembra Maria Clara.

Júlio Márcio Varella Caldeira foi secretário da área de música do primeiro festival. Ele vê com satisfação a homenagem que receberá nesta segunda já que trabalhou muito para o fortalecimento do festival. Ele se dedicou a todas as edições do evento até o ano de 1993. “O festival é um modelo no país e no exterior, tendo inspirado muitos outros festivais em Minas Gerais e em outros estados. Ao longo das 40 edições, o evento ganhou fama e muito reconhecimento, formando muita gente, além de ter dado apoio e incentivo para a criação de grupos que hoje possuem reconhecimento internacional, como o Galpão, Uakti, Giramundo e Corpo” afirma.

Júlio Caldeira lembra com saudosismo das edições do evento na década de 1960 e 1970, quando o festival durava um mês. “Muitos alunos daquela época comentavam que aprendiam em um mês, o equivalente a um ano de aulas em escolas de arte. Com apenas duas semanas, o festival não rende a mesma coisa que antes. Aqueles anos eram fantásticos” afirma.

Para José Adolfo Moura, professor aposentado da Escola de Belas Artes da UFMG, não só a homenagem que será prestada a ele e outros idealizadores da empreitada, mas a própria continuidade do festival são o prêmio e reconhecimento dos esforços para a realização da primeira edição há 41 anos. “O festival chegar na sua quadragésima edição é um reconhecimento não só do trabalho do primeiro festival, como pioneiro, mas do esforço dos outros festivais que trabalharam para manter essa manifestação, abrindo espaço para os jovens artistas renovarem o evento. Porque são eles que trazem essa renovação” conclui o professor.

Leia mais sobre o evento:

Documentário “emocional” marca lançamento do Festival de Inverno

UFMG presta homenagem aos idealizadores do Festival de Inverno, em solenidade na Reitoria

UFMG lança hoje programação da 40ª edição do Festival de Inverno

Arte essencial orienta as áreas do Festival de Inverno

40º Festival de Inverno da UFMG volta às essências

Site do 40º Festival de Inverno da UFMG está no ar

Invernos, Ouro Preto, festivais
Artigo do professor José Tavares de Barros

22/jul, 15h50 - Saber indígena transforma barro em obra de arte

22/jul, 15h36 - ‘Campus tour’ apresentará UFMG aos calouros em passeio de ônibus

22/jul, 12h53 - Comunidade dos Arturos realiza cortejo na tarde de hoje no campus Pampulha

22/jul, 12h24 - Oficina promove viagem prazerosa e sem dor ao mundo da escrita

22/jul, 7h07 - 'Performers' benzem Palácio da Liberdade e desafiam hegemonia do automóvel

22/jul, 6h53 - UFMG levará oito projetos de pesquisa a mostra de inovação da Fapemig

22/jul, 6h44 - Intervenções artísticas e shows musicais movimentam os dois últimos dias do evento

22/jul, 6h38 - Simpósio internacional na UFMG discutirá o futebol para além das 'quatro linhas'

22/jul, 6h33 - Chamada em fluxo contínuo apoiará projetos de cooperação internacional

21/jul, 11h43 - Divulgada escala para registro acadêmico presencial dos candidatos convocados no Sisu para o segundo semestre

21/jul, 10h20 - Em oficina, cozinha e ateliê se encontram para potencializar a arte

21/jul, 7h09 - Campanha 'Livres e iguais', da ONU, inspira congresso sobre diversidade sexual e de gênero na UFMG

21/jul, 7h07 - Curso traça panorama da música de concerto ocidental; matrículas abertas

21/jul, 6h49 - Especialização em Enfermagem Obstétrica da Rede Cegonha inscreve candidatos

21/jul, 6h32 - Oficina Multimédia faz livre interpretação de MacBeth, de Shakespeare, nesta quinta

Classificar por categorias (30 textos mais recentes de cada):
Artigos
Calouradas
Destaques
Domingo no Campus
Eleições Reitoria
Encontro da AULP
Eschwege 50 anos
Estudante
Eventos
Festival de Inverno
Festival de Verão
Gripe Suína
Jornada Africana
Libras
Matrícula
Mostra das Profissões
Mostra das Profissões 2009
Mostra das Profissões e UFMG Jovem
Mostra Virtual das Profissões
Notas à Comunidade
Notícias
O dia no Campus
Participa UFMG
Pesquisa
Pesquisa e Inovação
Residência Artística Internacional
Reuni
Reunião da SBPC
Semana do Conhecimento
Semana do Servidor
Seminário de Diamantina
Sisu
Sisu e Vestibular
Sisu e Vestibular 2016
UFMG 85 Anos
UFMG, meu lugar
Vestibular
Volta às aulas

Arquivos mensais:
julho de 2016 (145)
junho de 2016 (213)
maio de 2016 (208)
abril de 2016 (177)
março de 2016 (236)
fevereiro de 2016 (138)
janeiro de 2016 (132)
dezembro de 2015 (148)
novembro de 2015 (214)
outubro de 2015 (256)
setembro de 2015 (195)
agosto de 2015 (209)
julho de 2015 (184)
junho de 2015 (225)
maio de 2015 (248)
abril de 2015 (215)
março de 2015 (224)
fevereiro de 2015 (170)
janeiro de 2015 (156)
dezembro de 2014 (163)
novembro de 2014 (245)
outubro de 2014 (281)
setembro de 2014 (267)
agosto de 2014 (229)
julho de 2014 (183)
junho de 2014 (156)
maio de 2014 (239)
abril de 2014 (236)
março de 2014 (202)
fevereiro de 2014 (228)
janeiro de 2014 (130)
dezembro de 2013 (180)
novembro de 2013 (282)

Expediente