II Jornadas do CELA

A UFMG sediará dos dias 17 a 30 de maio as II Jornadas do CELA, Centro de Estudos Latino-Americanos, vinculado à Diretoria de Relações Internacionais. Durante a segunda quinzena de maio, uma série de eventos terá lugar em várias unidades acadêmicas e até mesmo em espaços exteriores à universidade.

As Jornadas começam nos dias 17, 18 e 19 de maio, com o Seminário Internacional “Trabalho e Formação docente na América Latina: desafios atuais para a construção de uma agenda regional”, uma realização do Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho Docente (Gestrado) e do Doutorado Latino-americano em Educação. Este seminário se inscreve nos marcos da comemoração dos 15 anos do Gestrado e tem como objetivo a discussão de uma agenda regional para a educação no contexto político atual que enfrenta a América Latina, tendo como principal foco a questão docente. Na Faculdade de Educação (FAE) da UFMG.

A seguir, acontece um festival de cinema latino-americano entre os dias 22 a 27 de maio, com o 4º. Circuito.forumdoc.ufmg “Cinema e América Latina: impactos e resistências frente ao avanço neoliberal”, com realização de mesas de debates em torno dos processos políticos contemporâneos na América Latina e oficinas com produtores convidados. Vários locais.

No dia 29 de maio terá lugar na Faculdade de Direito a Mesa redonda “El proceso de transición en Colombia: continuidades y discontinuidades en el contexto de América Latina”, com a professora Camila Gamboa Tapias, da Universidad del Rosario, Colômbia, membra da Rede Latino-Americana de Justiça de Transição (RLAJT), juntamente com Gabriel Rojas, professor de Justiça Transicional na Universidad de Los Andes, Colômbia (CRITICTJ/ RLAJT), com mediação feita por Emílio Peluso Neder Meyer (Direito UFMG/ RLAJT). 

E finalmente, nos dias 29 e 30 de maio, o Circuito de debates “O CELA e a internacionalização da UFMG na região latino-americana”, em que se discutirá a internacionalização da UFMG na região latino-americana, mediante os intercâmbios acadêmicos e as redes de pesquisa nas quais a UFMG está envolvida, revelando os meios que a universidade oferece para se conhecer o universo latino-americano, seu contexto acadêmico, histórico e cultural.