Ingresso na UFMG

As formas de ingresso são:

Vestibular

Para se tornar um aluno regularmente matriculado em um curso de graduação na UFMG, o estudante estrangeiro precisa se submeter ao Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM – realizado anualmente, e ser aprovado através do Sistema de Seleção Unificada- SISU.

Mais informações no site da copeve.

Transferência

A aceitação de um aluno de outra Instituição de Ensino Superior (IES), seja ela nacional ou estrangeira, é condicionada à existência de vagas remanescentes.

Mais informações no site da copeve.

Intercâmbio

A UFMG recebe estudantes estrangeiros no âmbito de Programas de Mobilidade e de Convênios de Cooperação, estabelecidos com Universidades estrangeiras. Os alunos podem frequentar até dois semestres acadêmicos na Universidade. O Grau é atribuído pela instituição de origem, sendo emitido um certificado com o devido aproveitamento de disciplinas na UFMG.

Podem participar de intercâmbio estudantes de Graduação e Pós-graduação regularmente matriculados em instituição estrangeira de nível superior, com as quais a UFMG tenha cooperação acadêmica. Conheça as instituições conveniadas clicando no menu Convênios. A UFMG não exige uma prova de proficiência de Português para o ingresso do aluno estrangeiro, mas todas as aulas, atividades acadêmicas e exames são feitas nesta língua. Assim, recomendamos um nível intermediário na língua.

Programa Estudante Convênio – Graduação e Pós-graduação (PEC-G e PEC-PG)

O Programa Estudante-Convênio de Graduação e Pós-graduação é resultado de acordos de cooperação cultural, científica e tecnológica assinados entre países em desenvolvimento visando à formação de recursos humanos. Possibilita que estudantes, professores universitários, pesquisadores, profissionais e graduados do ensino superior desses países realizem seus estudos no Brasil.

As embaixadas brasileiras nos países conveniados estão encarregadas da divulgação do programa e do processo de seleção.

Pós-Graduação

Para se candidatar a um curso de pós-graduação, o estudante deve possuir um diploma de graduação em uma instituição de ensino superior. A admissão obedece critérios de seleção e os requisitos variam de um curso para outro. Geralmente os exames consistem na apresentação de um plano de estudos, prova específica e arguição.

O estudante estrangeiro tem que se candidatar e ser aprovado no exame de seleção, para que possa receber a carta de aceitação, com a qual se habilita a solicitar o visto de estudante.

A aceitação oficial está condicionada ao cumprimento, pelo candidato, de todas as outras etapas a que se submetem os demais candidatos brasileiros.

Mais informações: comunica@dri.ufmg.br