1. Apresentação e justificativa 

O Aproxime-se é um programa de extensão do Caed/UFMG que objetiva orientar ações de extensão nos polos de EaD no estado de Minas Gerais, visando aproximar ainda mais o polo e a comunidade, tanto acadêmica como local. O desenvolvimento do programa visa proporcionar atividades educativas nos polos mineiros e constituir um locus ativo de encontro, de formação de profissionais, bem como da divulgação do saber, da ciência e da tecnologia. Além disso, visa instituir um espaço para discussão de questões atuais, de elucidações à população de problemas por ela vividos e de fortalecimento da formação do aluno da graduação a distância e presencial e da atividade docente. Nessa conjuntura, o Aproxime-se realça a presença da UFMG nas cidades mineiras ao convidar os munícipes a se apoderarem de seus recursos e possibilidades formativas, a partir de parcerias, cursos, atividades acadêmicas, culturais e tecnológicas.

O Aproxime-se é composto por quatro projetos interligados. O primeiro destina-se, de forma especial, à comunidade local e denomina-se Projeto Cidadania. Por meio dele, busca-se a articulação de parcerias com as prefeituras, a partir de suas secretarias, com o intuito de proporcionar à comunidade a divulgação de múltiplos saberes de seu interesse, como campanhas educativas direcionadas, por exemplo. O segundo projeto chama-se Saberes Transversais. Sua tarefa é a de promover a socialização entre a comunidade acadêmica e a comunidade local e o compartilhamento de saberes que são fundamentais para a compreensão da sociedade contemporânea. Trata-se da realização de formações em formatos de palestras sobre o conhecimento, a informação, a comunicação e a tecnologia, bem como debates em torno de noções tais como tempo, espaço, ciberespaço, experiência contemporânea, entre outras. O terceiro projeto denomina-se Ficção & Realidade e destina-se a promover diversos debates sobre temas culturalmente polêmicos da atualidade, a partir de filmes comentados. Temas como ciência, ética, sexualidade, cidadania, cultura, gênero, entre outros, são exibidos em forma de filme e contam com convidados locais e da UFMG para a realização dos debates com a comunidade. O quarto projeto é denominado Projeto Virtualidades. Sua intenção é instrumentalizar os envolvidos no uso dos diferentes recursos de pesquisa on-line já disponíveis na internet, como o uso de bibliotecas e museus virtuais.

O Aproxime-se propicia também, por meio desses projetos, que o aluno matriculado nos cursos de graduação da UFMG cumpra certos quesitos de formação, tais como a exigência legal de atividades complementares. Além disso, proporciona a formalização de monitorias e a contratação de bolsistas de extensão.

2. Objetivos 

O Programa Aproxime-se busca os seguintes objetivos:

2.1. Objetivo geral

• Empreender a extensão universitária nas cidades polos de educação a distância, para estabelecer a interlocução de saberes acadêmicos e locais e contribuir com a formação do aluno da graduação nas modalidades a distância e/ou presencial, com sua inserção na extensão universitária, bem como o acesso, a partir de projetos especiais, à formação tecnológica, social, cultural e científica.

2.2. Objetivos específicos

• Criar oportunidade para que os alunos matriculados em diferentes cursos possam se integrar e se relacionar a partir de atividades ou de formações curriculares transversais;
• Ampliar a formação dos alunos e compartilhar com as comunidades interessadas filmes, comentários, minicursos e outros artefatos formativos, visando à atualização dos participantes em discussões relevantes e próprias de nossos tempos;
• Oportunizar aos professores que atuam na educação a distância e no ensino presencial a possibilidade de realizarem, além do ensino, a extensão, sem perder de vista a atividade de pesquisa;
• Proporcionar aos alunos da graduação o usufruto de rituais acadêmicos, como, por exemplo, concorrer, entre outros, aos editais de bolsa de extensão;
• Oportunizar aos alunos os tempos e os espaços para que possam cumprir algumas das exigências curriculares, como é o caso das atividades complementares;
• Promover a extensão universitária nos polos de educação a distância, estreitando os laços da interlocução do diálogo acadêmico e as perspectivas locais.

3. Público-alvo 

• Estudantes dos cursos de graduação na modalidade educação a distância e ensino presencial da UFMG;
• Profissionais da educação básica que atuam na região dos polos;
• Outros profissionais interessados: demanda social.

4. Concepções do programa 

O programa apoia-se nas concepções de transdisciplinaridade, interdisciplinaridade e compreende o polo como espaço acadêmico formador no que diz respeito ao ensino quanto à pesquisa e à extensão.

5. Metodologia

A metodologia do programa Aproxime-se contempla os três pilares da universidade: ensino, pesquisa e extensão.

Na perspectiva do Ensino, o programa atua em três dimensões correlacionadas e simultâneas. A primeira dimensão privilegia a formação dos envolvidos: coordenadores de polo, bolsistas de extensão, profissionais da UFMG e voluntários para atuarem no programa. Na segunda, a formação tem o caráter específico de atender ao bolsista de extensão, com acompanhamento contínuo para dirimir as dúvidas sobre o seu papel institucional, bem como proporcionar a construção e aproximação entre a universidade e a realidade de sua cidade. Na terceira dimensão, a formação extrapola os âmbitos dos envolvidos diretamente com a UFMG e abre espaço para a comunidade local interessada.

No pilar da Pesquisa, a pesquisa de campo com a coleta de dados sobre os municípios contemplados permite a construção diversos olhares sobre a realidade pesquisada e a proposição de ações para cada comunidade. Por outro lado, os professores pesquisadores participantes do programa podem se debruçar sobre os dados coletados ao longo da realização do programa com o intuito de produzir e publicizar pesquisas sobre a extensão.

No pilar Extensão, as atividades propostas nesse âmbito permitem aos alunos da graduação a participação da extensão universitária. Essa interação aluno-comunidade é fundamental para a formação profissional e cidadã dos alunos, bem como para a resolução dos problemas e necessidades da sociedade em geral.

6. Formas de avaliação e metas 

O projeto é avaliado no geral por meio de reuniões da equipe e relatórios diversos. E cada momento nas comunidades é avaliado por meio da aplicação de questionários de opinião e sugestões sobre os eventos. As metas do programa são reavaliadas a cada nova edição.

7. Histórico:

O programa teve sua primeira edição no ano de 2013 e vem sendo realizado consecutivamente com exceção do ano de 2019. As cidades contempladas foram: Araçuaí, Formiga, Campos Gerais, Conselheiro Lafaiete, Corinto, Governador Valadares, Montes Claros, Teófilo Otoni (2013), Campos Gerais, Corinto e Conselheiro Lafaiete (2014), Araçuaí, Bom Despacho, Campos Gerais, Conselheiro Lafaiete, Formiga, Governador Valadares, Januária, Montes Claros e Teófilo Otoni (2015), Bom Despacho, Campos Gerais, Conselheiro Lafaiete, Formiga, Governador Valadares, Corinto, Montes Claros e Teófilo Otoni (2016), Corinto, Formiga e Conselheiro Lafaiete (2017), Montes Claros e Conselheiro Lafaiete (2018).

8. Divulgação das edições:

Informações específicas de cada edição do Programa Aproxime-se poderão ser obtidas no hotsite do programa na aba Eventos do site do Caed, www.ufmg.br/ead.

9. Contato:
E-mail: extensao@caed.ufmg.br.

Telefone: 3409-4638