A proposta artística mescla dança, teatro e artes visuais, no jardim do Museu Casa Padre Toledo, e tem entrada franca

Espetáculo "Outono" - Direção Diego Matos e atuação de Júnio de Carvalho e Priscila Natany (Crédito: Priscila Natany)

Espetáculo “Outono” – Direção Diego Matos e atuação de Júnio de Carvalho e Priscila Natany (Crédito: Priscila Natany)

O espetáculo “Outono” é a atração de outubro do Poente Cultural, projeto que integra o Circuito Cultural UFMG, que acontece no dia 30 (quarta), às 19h, no jardim do Museu Casa Padre Toledo. A apresentação, que compõe uma nova linguagem artística, unindo dança, teatro e artes visuais, é aberta ao público, com classificação livre e entrada franca. 

Caso se confirme chuva nessa noite, o espetáculo ocorrerá no auditório do Centro Cultural Sesiminas Yves Alves (Rua Direita, 168).

“Outono” surge do encontro e também do percurso distinto de três artistas, formados em teatro pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ): Diego Matos, Júnio de Carvalho e Priscila Natany. Por meio deles, o teatro, a dança e as artes visuais encontram-se interseccionados para a criação de uma composição estética híbrida. 

Concepção Artística

Com formação no mesmo curso profissionalizante, os artistas embrenharam-se por caminhos diferentes. Diego consolidou sua pesquisa como ator-criador no grupo Teatro da Pedra. Júnio enveredou-se pelo campo da dança e da atuação performativa. Priscila dedicou seus estudos à fotografia. Parceiros nesse trabalho, interligam seus conhecimentos e experimentam uma linguagem nova.

Sob direção de Diego Matos, “Outono” explora o período de transição entre extremos: inverno e verão; feminino e masculino; amor e ódio; medo e esperança; guerra e paz. O espetáculo é uma metáfora existencial dos nossos tempos, remontando paisagens de um mundo vivido e paisagens de um mundo possível. “No processo criativo, utilizamos diversas referências e subjetividades, cada espectador fará uma leitura muito particular do que irá assistir”, garante Natany.

Para a construção dramatúrgica, um dos principais vetores foi a investigação da relação entre ator e materialidade cênica. O jogo com os objetos, que os ressignifica e os torna vivos, foi tomado como um gerador de tensão para a cena. Corpo e objeto em embate para compartilhar uma nova visão de realidade, tendo como uma das referências artísticas as coreografias de Dimitris Papaioannou.

Poente Cultural

O Poente Cultural UFMG é realizado pelo Campus Cultural UFMG em Tiradentes, em parceria com a Diretoria de Ação Cultural (DAC), da Universidade.

A finalidade do projeto é promover shows, contação de histórias, performances teatrais e outras atrações, buscando privilegiar a produção de artistas mineiros, tanto do Campo das Vertentes como de outras regiões do estado.

Serviço

Espetáculo “Outono” – Direção: Diego Matos | Poente Cultural UFMG 
Data: 30 de outubro (quarta)
Horário: 19h
Local: Jardim do Museu Casa Padre Toledo (Rua Padre Toledo, 190 – Tiradentes) 
[Novo local, em caso de chuva: Centro Cultural Sesiminas Yves Alves (Rua Direita, 168)]
Entrada gratuita 
Classificação: livre
Mais informações: (32) 3355-1257
Créditos: Priscila Natany

Links para trabalhos dos proponentes:

Espetáculo “Passos” –  Solo de  Júnio de Carvalho 
(concepção, atuação e dramaturgia) 
https://www.facebook.com/espetaculopassos/

AFO!TA Teatro –Priscila Natany 
(co-fundadora)
https://afoitateatro.wordpress.com/

Teatro da Pedra – Diego Matos 
(ator e produtor) 
https://www.teatrodapedra.org/